segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

...

as minhas lembranças
estão guardadas
As minhas juras eternizadas
E um passado ruim apagado

Talvez se livrar de tudo aquilo
que já esta velho e sem utilidade
Não seja tão ruim

Talvez eu precisasse mesmo
De um grande empurrão
Pra perceber que eu cresci
E que certas coisas tem que ser deixadas pra trás

Bem, estou melhor
Olho pra tudo e dou risada
Relembrar certas historias  com pessoas inesquecíveis
É simplesmente demais

E algo que vou guardar
É tudo o que tenho aqui
meus amigos, minha vida
Meus amores e minha família

e a saudade eterna vai ecoar sempre na memoria

Um comentário:

  1. Mesmo com empurrões, abandonar certas coisas nem sempre é fácil.
    Abraços.

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar
volta mais uma vez voolta?