quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Essa sou eeu !

Essa sou eu
Tenho uma pitada de aceitação
Um sorriso bem grande no rosto
E um algo a mais

Esses são meus sonhos
Vivo todo o dia por eles
E assim
Nessas luas cheias e novas
Eu vou mudando também
As estrelas hoje me disserem
Que o regalo da vida
E inovar
E bem não estou tão mal

Essa sou eu
Diferente daquela que fui
Lagarta que virou borboleta
E sinto orgulho de mim mesma
quando olho pra trás
E vejo o que me tornei

5 comentários:

  1. Hoje pensei na loucura das pessoas
    Numa criança que pede a ternura e um naco de pão
    Na fome de um abraço sem rosto
    Na ignorância largada ao meio do chão

    Imaginei o que será viver na ausência da razão
    Na procura do norte sem Sol e estrelas
    Porque é que Deus se distrai às vezes
    Porque teima em não querer vê-las?


    Doce beijo

    ResponderExcluir
  2. Que bom que sentes orgulho de si mesma, é muito raro isso...
    Parabéns
    Bjs
    Mila

    ResponderExcluir
  3. lindo *-*
    você é feliz em tudo que escreve.

    ResponderExcluir
  4. Q bom q vc está diferente daquela q foi, a cada dia vc pasas pelo mistério maravilhoso da criação e da transformação, em tudo na poesia, na vida, vc vai alçando voos para dias mais completos e complexos, o tio gostou muiiiito deste post, vc é d++++, merece receber bjos, bjos e bjosssssssssssssssssssssss

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar
volta mais uma vez voolta?