segunda-feira, 26 de abril de 2010


Eu costumava ser um pouco tímida
Eu mantinha meus sentimentos profundos dentro de mim
Falar com você sobre minhas emoções
sempre foi difícil
Mas isso não pode esperar
Esta noite eu me sinto um pouco corajosa
Então eu não deixarei nenhum dia mais
Passar sem você me explicar o que somos
Isso pode soar meio bobo
Mas eu não pude deixar de reparar
Que na última vez que você me beijou
Você manteve os dois olhos abertos
Baby, pode me dizer o que isso significa
Se você está olhando por cima de seus ombros
Então você não precisa ficar comigo
E eu não preciso agüentar
Não me deixe fazer você parar
de fazer o que quer
Você não quer se prender somente a mim, tudo bem
Não se arrisque, supere-se
Não não, não me deixe pará-lo
Se você quer ir, baby você pode ir
Só não finja que você me quer
Se não for verdade
Não, não me deixe pará-lo
Há várias coisas que posso agüentar
Tenho grande limite para a dor
Mas vamos deixar uma coisa clara
Eu não vou dividí-lo com mais ninguém
Se não é isso que você está procurando
Foi bom te conhecer, mas aqui está a porta
Porque eu sei que eu posso achar alguém
Que me dará o que eu quero
Mesmo se eu acabar com o coração partido
Eu não mentirei
Eu não quero ouvir adeus
Mas de qualquer jeito eu estarei bem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar
volta mais uma vez voolta?